Uma escapadela de 3 dias em Basileia (Suiça)

Esta cidade está localizada nas margens do Rio Reno, que a divide em  Grande Basileia e Pequena Basileia. Fazendo fronteira quer com a Alemanha, quer com a França, naturalmente apresenta um ambiente multicultural absolutamente único e singular.

Além de ser a mais antiga cidade universitária da Suiça e de possuir um centro medieval histórico deslumbrante, Basileia oferece também exemplos arquitetónicos clássicos e contemporâneos incrivelmente belos. Não deixe passar uma visita à Catedral, de traços romanescos e góticos, e à Câmara Municipal, da época do Renascimento. Ainda na cidade antiga, poderá usufruir de pequenas boutiques, livrarias centenárias, lojas de design moderno e muitas outras atracções.

Mas a razão para Basileia estar na nossa lista das 5 melhores escapadinhas alternativas na Europa é muito simples: com a maior concentração de museus do país, esta cidade é o verdadeiro sonho para qualquer amante da cultura. São 40 espaços internacionalmente reconhecidos, que incluem o Museu de Arte de Basileia, o Museu das Culturas e a Fundação Beyeler. Além disso, uma vez por ano, a cidade recebe a Art| Basel, a maior feira de arte contemporânea do mundo.

A cidade:

A cidade de Basel, também conhecida como Basiléia, é a terceira cidade suíça mais populosa e acaba sendo bem conhecida por ficar bem na fronteira da Suíça com mais dois países: França e Alemanha. Porém a Basiléia é muito mais além deste fato, sendo considerada a capital cultural da Suíça com cerca de 40 museus, teatros e galerias e eventos culturais durante todo o ano.
Na minha opinião é uma das cidades suíças mais interessantes, especialmente para amantes de arte, arquitetura e historia. Dificilmente uma visita à Basiléia irá decepcionar e você pode combinar este destino no seu roteiro com outros países, aproveitando a localização privilegiada e o Euroaeroporto de Basel, de onde saem e chegam diversos voos para toda a Europa, incluindo companhias low cost como Ryan Air e EasyJet.
A Basileia é uma cidade cosmopolita de diversos atrativos situada às margens do Rio Reno e com um centro antigo bem conservado e histórico. Além disso, é também a cidade universitária mais antiga da Suíça e onde se localizam as grandes indústrias químicas e farmacêuticas do país.

Como encontrar os Voos mais Baratos com hotel:

Oferecemos uma escapadinha de 3 dias a Basileia com Voo + Hotel a partir de 95€

Através do site logitravel, consegue não só fazer uma pesquisa por voos, ida e volta, a melhor altura para viajar, como também, encontrar as melhores opções que incluem voo + hotel, onde as taxas já estão incluídas.

Há um leque variado de alojamento, para todos os gostos e carteiras.

Os aeroportos a saber:

O Euroairport Basel-Mulhouse-Freiburg é um aeroporto bi-nacional. Construído em solo francês, a cerca de 4 Km de Basileia, tem ligação a esta cidade por uma estrada sem portagens. Quando se chega ao aeroporto, pode-se escolher por ir para os serviços da Suíça e ir para Basileia, ou ir pelos serviços de França. Se quer ir para a Basileia, tem de se ter atenção para se sair somente pelo controlo de passaportes suíço, senão já estará em solo francês.

Para uma visita de 3 dias a Basileia (Suiça) pode ver:

Centro antigo de Basel – Há muito o que se ver na cidade, a começar pelo  charmoso centro antigo. Há 5 rotas para serem feitas a pé para explorar o centro antigo passando pelos principais museus e as praças mais bonitas da cidade, partindo da praça do mercado (Marktplatz) mas você também pode ser o seu próprio guia e sair andando e explorando a cidade meio sem rumo, como eu acabei fazendo, e descobrir agradáveis surpresas.  Há placas azuis indicando as atracções turísticas por toda a cidade então não é fácil se perder por lá e a distância entre elas não é muito longa.

Marktplatz e Rathaus – A Marktplatz é uma praça onde há um mercado aberto todos os dias da semana (exceto aos domingos) vendendo flores, vegetais e produtos frescos e locais, mas o que chama a atenção mesmo é um edifício vermelho e todo decorado que fica em frente ao mercado: a Rathaus, que é a sede do governo local. A Rathaus possui uma fachada e uma torre que chamam muito a atenção e possuem muitos detalhes. O edifício em estilo Art Noveau possui um pátio aberto que pode ser visitado  e existe também a possibilidade de um tour guiado ao custo de 5 francos ( aos sábados)

Basler Münster – a catedral de Basel – Esta catedral gótica é o símbolo de Basel. Foi construída entre os anos 1019 e 1500. atrás da catedral existe um terraço chamado de Pfalz que oferece uma das melhores vistas da cidade sobre o rio Reno. Este local é um ponto de encontro bem conhecido e também é onde costumam acontecer alguns eventos. De um lado deste terraço há alguns degraus que levam até um pequeno píer onde é possível atravessar o rio Reno com um barquinho ao custo de 1,60 francos suíços por pessoa! Do outro lado do terraço existe uma passagem que leva até um pátio do mosteiro onde se encontram lápides de membros de famílias proeminentes do século XVI ao XIX. É possível também subir em uma das torres da catedral e ter uma vista ainda mais privilegiada da cidade.

Almoço – Restaurante zum isaak, mesmo ao lado da catedral está o ótimo Restaurante Zum Isaak, que ao que parece, é bastante recente. A sua comida típica é suíça e, francamente, se come bastante bem ai. Chegamos bem cedo e, portanto, por ser domingo, estava inicialmente vazio. Em seguida, foi chegando mais gente. O creme de limão caseiro estava delicioso, assim como os segundos pratos. Definitivamente um bom lugar para comer o que os moradores comem e desfrutar de um pouco da grande gastronomia local.

Theatherplatz e Fonte d’àgua Tinguely – Essa é uma fonte d’água bem diferente das charmosas e tradicionais fontes encontradas pelo centro antigo da cidade. Trata-se de 10 esculturas que funcionam como máquinas e estão sempre em movimento como se conversassem entre si,  criadas pelo artista suíço Tinguely em 1977 e localizadas na Theatherplatz, a praça dos teatros.

Spalentor e Spalenberg – Spalentor é um dos três portais sobreviventes da cidade, datado do século XIV.  Spalenberg é uma parte superior do centro antigo cheio de cantinhos incríveis e charmosos no estilo medieval prontos para serem explorados. Hà várias lojas e pequenas galerias. Um local ideal também para fazer umas comprinhas.

Jantar – Zur Harmonie, este é um restaurante onde a comida é tipicamente suíça (ou assim eles dizem …) A decoração é baixo e que lembra as cervejarias francesas no início do século XX. A clientela é muito internacional, com a vantagem de que todos os garçons falam várias línguas.

Partilhar :)

Uma escapadela de 3 dias em Basileia (Suiça)